Blog do Folhateen

Grupo de Apoio

 

11 de setembro

Por Cléberson Alcântara dos Santos
@clebersonpax

Lembro-me de uma manhã de terça-feira qualquer. Estava na segunda série na escola. Naquela ocasião eu havia saido mais cedo da escola e como de costume fui correndo pra casa afinal daria tempo de ver meus desenhos favoritos.

Assim que liguei a TV em casa percebi que estava passando algum platão, troquei de canal, mas todos estavam passando a mesma notícia: um prédio em chamas no meio de Nova York. Eu e minha mãe assistimos aquilo querendo saber o que aconteceu ali. Não era somente um prédio em chamas, eram dois! e tudo isso devido a aviões que ali bateram. Aviões ali jogaram.

Os jornais, durante toda a semana, data ênfase a dimensão que aquele atentado dos EUA e de todo o mundo. A primeira grande tragédia do século XXI. A Declaração de uma possível guerra. Aquela manhã de onze de setembro não foi apagada da minha mente nem de ninguém que viu, seja pela TV ou na sua frente.

Esse grande fato e suas vítimas, que marca a história deste século, será lembrada por futuras gerações como o dia em que conseguiram por o medo em todo o mundo.

Escrito por Mayra Maldjian às 17h29

Comentários () | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

A difícil escolha da profissão

Por Cléberson Alcântara dos Santos
@clebersonpax

Eduardo Knapp/Folhapress
Meu nome é Pedro, tenho 17 anos e estou no ultimo ano de escola. Sempre me imaginei terminando a escola e já saindo direto pra faculdade. Mas pelo que vejo não será tão fácil.

Só faltam dois meses pra começarem os vestibulares e ainda não sei o que coloco na minha ficha de inscrição. São mais de 200 cursos, não tenho ideia de como eu posso escolher uma. È algo sério e por toda a vida, não é algo que resolvo com uma brincadeira de “minha mãe mandou...”.

Gosto bastante de esportes, poderia fazer Educação física é claro, mas sou muito preguiçoso e não estou numa boa fase física. Não sei se conseguiria ter retorno financeiro. Então posso fazer Engenharia, apesar de odiar matemática.

Acho que preciso de ajuda, procurar algo ou alguém que possa me auxiliar nessa fase. Apenas não sei como.

Acho que posso adiar a decisão e me dedicar ao cursinho no outro ano. Ou fugir e fazer um intercambio. Ou dormir e fazer algo agora antes que fique neurótico com essas dúvidas.

Esta história é algo fictício, mas que deve ocorrer na mente de muitos jovens (inclusive eu) quando se chega nessa fase da escolha profissional.

O peso que esta decisão nos gera é angustiante. Muitas vezes não nos sentimos capazes de decidir os nossos próximos 50 anos com apenas 17 ou 18 de idade. Existem aqueles que desde a infância carregam consigo a vontade de exercer aquela profissão e não precisam passar por tudo isso.

Informações pra esta escolha não nos falta. Temos revistas, sites, livros, jornais (como a Fovest) e até feiras (como a Feira Guia do Estudante ocorrida no ultimo fim de semana) pra nos ajudar nesta fase de escolha. Podemos também procurar profissionais que nos orientem. Temos tudo ao nosso auxilio.

Decisões como esta nos dá a tal maturidade que todos nós dizemos ter. É algo pra toda a vida, é a definição de como iremos viver, trabalhar, com quem iremos nos relacionar e enfim. Não devemos procurar algo que apenas nos dê retorno financeiro, mas algo que goste e nos dê prazer em fazer.

Faça esta escolha com consciência e lembre que após esta surgiram outras dúvidas: como estudar pro vestibular? onde estudar? Cabe a nós tomar a decisão, que é exclusivamente nossa.

Escrito por Mayra Maldjian às 15h34

Comentários () | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Ver mensagens anteriores

PERFIL

Blog do Folhateen O Blog do Folhateen é o espaço de interação da seção publicada no caderno "Ilustrada", às segundas-feiras, e escrito pelos jovens que fazem parte do grupo de apoio.
Twitter RSS

BUSCA NO BLOG


ARQUIVO


Ver mensagens anteriores
 

Copyright Folha.com. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página
em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita da Folha.com.